LIBRES – evento multimídia

cartaz_libres

O LIBRES é um evento multimídia de arte e tecnologia que pretende desmitificar o conhecimento na área de arte e tecnologia, disseminar este saber, estimular sua apropriação e pesquisa, bem como divulgar seus frutos. Para isso, pretendemos intercambiar e divulgar os trabalhos e possibilidades artísticas e técnicas de multimídia interativa criadas com ferramentas baseadas em uma cultura livre para apropriações, recriações, mixagens e incrementações. A proposta abrange a troca de conhecimentos entre pesquisadores, desenvolvedores, artistas e público em geral, no intuito de estimular o uso destas plataformas no exercício de suas criatividades; assim como fomentar o aprendizado de processos tecnológicos através da interação entre obra tecnológica e público.

Para a realização do evento, a ideia é transformar o espaço em um museu sensorial e interativo, onde a maioria das obras apenas existem enquanto arte a partir da participação do público. O caráter do evento escapa à definição de simples mostra, já que, além da exibição dos trabalhos selecionados e produtos audiovisuais das oficinas realizadas no Nordeste pelo Centro de Desenvolvimento de Tecnologias Livres, com os Pontos de Cultura, outras obras serão acrescentadas ao espaço ao longo dos dias, posto que os criadores multimídia, desenvolvedores e artistas se apropriarão do espaço da mostra parra produzir arte ao vivo.

O encontro será realizado na Torre Malakoff, ponto turístico e central da cidade de Recife, lá, será montado ambiente para troca de experiências com artistas multimídia nacionais e internacionais. Participarão desenvolvedores da Itália, Espanha, São Paulo, Curitiba, Porto Alegre, Bahia, Natal.

Serão montados 3 laboratórios onde artistas, desenvolvedores, entusiastas de tecnologias livres se encontrarão para desenvolvederem juntos novas obras para o espaço com o objetivo de apresentar as metodologias de desenvolvimento multimídia com software livre. Esses laboratórios serão base para a  junção de pessoas ligadas a  ativistmo cultural, arte e tecnologia para imergirem em novas formas de desenvolvimento multimidia.

Também acontecerão debates e palestras dentro do tema, onde estas irão interagir na formulação teórica das obras a serem produzidas, expostas e vivenciadas por todos.

Confira a programação aqui.

Anúncios

mexendo com imagens

precisei diminuir varias fotos e convertê-las para .png, foi aí que descobri o imagemagick.

imagemagick é um software suite para criar, editar e compor imagens em uma variedade de formatos, incluindo png, jpg, gif, pdf, ps, svg, tiff. contamos com as funções flip, espelho, gira, escala, cisalhamento e transformar imagens, ajustar cores, aplicar diversos efeitos especiais, desenhar ou texto, linhas, polígonos, elipses e curvas bezier.

redimensionar imagens:

$ mogrify -resize 50% *.png
$ mogrify -resize 640x480 *.png

a outra opção que utilizei foi a converssão de formatos:

$ mogrify -format png *.jpg

fonte: imagemagick e mogrify

$ mogrify -format png *.jpg

habilitando usb no virtualbox – slackware 12.2

quando fui testar o modem 3g no windows (virtualizado no slack) precisei habilitar a usb no virtualbox.

1. descobrir o código do grupo plugdev:

$ cat /etc/group | grep plugdev:

o resultado será uma linha assim:

plugdev:x:83:root,seucolega

seu usuário deve estar no grupo plugdev

2. adicionar o ponto de montagem usb no fstab, com permissão de root:

# nano /etc/fstab

adicionar a linha abaixo substituindo o devgid pelo código do grupo plugdev:

none /proc/bus/usb usbfs devmode=664,devgid=83 0 0

exportando para .pdf no inkscape 0.46

esse post está como rascunho há um tempão por falta de tempo, estava correndo com o i encontro livre :D

lembro que tentei exportar usando a opção de impressão, arquivo > imprimir > imprimir para arquivo > formato de saída: pdf, mas o resultado não foi legal.

pesquisando no site do inkscape descobri outra forma de exportar para .pdf:

1. arquivo > salvar como > escolha o tipo “pdf via cairo”
2. selecionar a opção “converter textos em caminhos”

pronto, pdf criado!

i encontro livre – disseminando cultura e conhecimento [programação no ar!]

el-448x209

A organização do I Encontro Livre, que será realizado nos dias 06, 07 e 08 de Julho de 2009, na Livraria Cultura Paço Alfândega, Recife/PE, divulga a sua programação, ainda em caráter provisório.

Este evento, cujo objetivo é divulgar o uso, o desenvolvimento e os benefícios do Software Livre, conta com exibição do filme Antitrust e debate sobre pirataria; mostra de animações produzidas em Blender e apresentações voltadas para os seguintes microtemas: Cultura Livre, Desenvolvimento e Administração de sistemas.

Para participar não será necessário realizar qualquer tipo de inscrição, o evento é livre e aberto à participação de todos!

Confira a grade da programação.
Contamos com sua presença!

man page em pt_br no slackware 12.2

estava estudando o curso de slack com celinha, entre uma coisa e outra precisamos do “man <nao lembro o comando>”, veio tudo em inglês. ai ela lembrou que já tinha traduzido o man no ubuntu =]

após pesquisar descobrimos #comofaz:

1. baixar e descompactar os arquivo da ldp-br (linux documentation project):

$ wget -c http://br.tldp.org/projetos/man/arquivos/man-todas.tgz
$ tar xvf man-todas.tgz

2. copiar os arquivos para a pasta man do sistema. optei por preservar as pastas existentes (aqui existia os man’s 1, 5, 6, 7 e 8) copiando uma-a-uma com o parâmetro “-n”. ficou assim:

# cp -rn arquivos/man1/* /usr/man/pt_BR/man1
# cp -r arquivos/man2 /usr/man/pt_BR/
# cp -r arquivos/man3 /usr/man/pt_BR/
# cp -r arquivos/man4 /usr/man/pt_BR/
# cp -rn arquivos/man5/* /usr/man/pt_BR/man5
# cp -rn arquivos/man6/* /usr/man/pt_BR/man6
# cp -rn arquivos/man7/* /usr/man/pt_BR/man7
# cp -rn arquivos/man8/* /usr/man/pt_BR/man8

pronto, man traduzido =p

celinha tambem fez um post sobre. aproveitei e catei a parte frescurinha do dia:

quem quiser ler manuais de maneira mais agradável, pode usar o most, um pager similar ao comando less e more, mas possui recursos como cores e suporte a múltiplas janelas.

certifique-se de que o most já está instalado no seu sistema através do slackpkg search most. em seguida, abra o arquivo man.conf (/usr/lib/man.conf) e edite as seguintes linhas deixando-as assim:

PAGER /usr/bin/most -s
BROWSER /usr/bin/most -s

salve o arquivo, feche e aproveite!

nuvem de palavras no wordle [2]

wordle